"O grande dia"


Vários anos de namoro. Todo mundo pergunta: “e o casamento, vai ser quando?” A gente também se pergunta, mas não sabemos a resposta. Passa algum tempo e o assunto “casamento” começa ser a pauta principal das nossas conversas. Chega o momento de decidirmos que enfim chegou a hora. Um ano antes, começa a preparação. Festa, vestido, convidados, fotografia, igreja... 

O dia se aproxima. O coração está a mil. Tudo pode dar errado. “O padre pode passar mal, o moço que entrega o bolo pode confundir a data do casamento, o maquiador pode errar a mão, a daminha pode fazer birra e não querer entrar, a luz pode acabar e o gerador não funcionar. O noivo? O noivo pode desistir!” Quanta bobagem. Pensamento positivo! Tudo vai dar certo. 


Tudo deu certo. O casamento aconteceu melhor do que imaginei. Agora eu olho o nosso álbum. Tudo foi tão lindo. 

Que esses sorrisos de felicidade não fiquem apenas nessas fotos. Que o cotidiano e a convivência não desgaste nossa relação. Que a gente procure dar o nosso melhor, e consigamos nos perdoar quando falharmos. Que nunca percamos o encanto um pelo outro e que consigamos sempre arrumar um tempinho para namorar, mesmo após termos os nossos filhos. Que nós mostremos para essa sociedade feminista/ machista que é possível construir uma família feliz. Eu sei que não vai ser fácil, mas eu sei que é possível.

Comentários